A presenca das cores
Categoria: Deutschland

Eu tinha roupas brancas, mas agora elas sao azuis. Eu tinha toalhas amarelas, mas agora elas tentam, sem sucesso, ser verdes. Impossibilidade de um controle absoluto. Nada melhor do que lavar roupa e tirar o pó do quarto para renovar as energias.

A neve da primavera nasce das árvores e se espalha por toda a parte. Angustiada, tento desviar a boca, depois os olhos, o nariz, as orelhas. E elas vao entrando por todas as frestas, se acumulando nos cantos dos cômodos.

Os corredores do edifício, que estavam brancos na madrugada de sábado, vao sendo lambuzados até ficarem, quem sabe um dia, limpos.

Ontem fui dormir tarde e já era cedo. Às quatro horas já estava amanhecendo. Deixei a cortinha aberta e tive a lua e um céu levemente colorido como distracao até pregar os olhos. Antes disso, passou mais um balao.

Um comentário

  1. Fernanda Soares disse:

    Jú! Adoei tudoo que lie fiquei encantada com a qualidae das tuas fotografias, estão cada vez melhores!!!!!
    beijo e saudae, Fenanda

Deixe um comentário